Morador de Cascavel será julgado no STF acusado de participação nos atos golpistas em janeiro deste ano

Morador de Cascavel será julgado no STF acusado de participação nos atos golpistas em janeiro deste ano

Morador de Cascavel será julgado no STF acusado de participação nos atos golpistas em janeiro deste ano

Moacir José dos Santos, de 52 anos, se apresenta como autônomo nas redes sociais. g1 tenta contato com a defesa dele.


Moacir José dos Santos, de 52 anos, se apresenta como autônomo nas redes sociais. — Foto: Redes sociais

Na data ele e outras milhares de pessoas foram presas após invadirem e depredarem o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o STF.

O g1 tenta contato com a defesa de Moacir.

Conforme o STF, ele e outros três réus vão responder por “prática de associação criminosa armada, abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado pela violência e grave ameaça, com emprego de substância inflamável, contra o patrimônio da União e com considerável prejuízo para a vítima e deterioração de patrimônio tombado”.

Os ministros vão avaliar as condutas individualmente para avaliar se houve crime e o grau de participação de cada um nos delitos.

Nas redes sociais Moacir afirma que é autônomo. O emprego mais recente, conforme consta em uma das redes sociais, foi o de motorista em uma empresa de paisagismo da cidade. O g1 fez contato com a empresa que afirmou que ele trabalhou no local há cerca de dois anos, mas que não faz mais parte do quadro de funcionários do local.

Algumas postagens do perfil mostram selo de notícia falsa no perfil de Moacir que será julgado no STF por atos golpistas.

Postagem aparece com selo de notícia falsa no perfil de Moacir que será julgado no STF por atos golpistas — Foto: Redes sociais

Depoimento

Moacir José dos Santos, nos termos da denúncia do Ministério Público, atuou na destruição do Planalto. Quando foi interrogado, disse que a manifestação era pacífica. Também “negou ter praticado violência contra policiais ou membros de força de segurança” e alegou que “não danificou nenhum bem”.

VÍDEOS: Mais assistidos g1 PR

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

Link original da notícia: https://g1.globo.com/pr/oeste-sudoeste/noticia/2023/09/11/morador-de-cascavel-sera-julgado-no-stf-acusados-de-participacao-nos-atos-golpistas-em-janeiro-deste-ano.ghtml

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *