Homem vira réu por matar jovem e incendiar a casa dela em Ponta Grossa

Homem vira réu por matar jovem e incendiar a casa dela em Ponta Grossa

Homem vira réu por matar jovem e incendiar a casa dela em Ponta Grossa

A Justiça aceitou a denúncia contra Carlos Alberto Dias Domingues, acusado de matar a jovem Mariele Bueno Pires e, na sequência, incendiar a casa dela em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná.

De acordo com a denúncia, Domingues se tornou réu pelos crimes de latrocínio e incêndio criminoso.

Ainda de acordo com o documento, o réu roubou da casa de Mariele uma caixa de som, uma calça, um kit de barbear, um notebook, um cofre com R$ 300, um aparelho celular e um cartão bancário da vítima.

Durante as investigações, todos os objetos roubados foram encontrados com o acusado.

Conforme o Ministério Público do Paraná (MP-PR), Domingues causou o incêndio com a intenção de ocultar o assassinato de Mariele.

O g1 tenta identificar a defesa de Domingues.

Relembre o caso

Bombeiros encontram corpo com sinais de facadas durante combate à incêndio em casa de Ponta Grossa — Foto: Elessandra Amaral/RPC

O Corpo de Bombeiros encontrou o corpo de Mariele com sinais de violência durante o atendimento a uma ocorrência de incêndio na quarta-feira.

De acordo com a corporação, moradores do bairro Neves acionaram a equipe de socorro após verificarem a saída de fumaça pelo telhado de uma residência.

No local, os bombeiros arrombaram a porta para constatar a situação e identificaram um princípio de incêndio no quarto da residência.

Os socorristas informaram que encontraram, ao lado da cama, o corpo somente com a parte de cima das roupas. A polícia informou que a vítima estava com ao menos 20 ferimentos causados por arma branca no tórax e próximos ao pescoço.

Captura ocorreu na manhã desta quinta-feira (24) — Foto: Elessandra Amaral/RPC

Segundo Luiz Gustavo Timossi, delegado da polícia, o homem afirmou que identificou que a vítima estava sozinha em casa.

“Relatou que teria visto o marido da vítima saindo cedo para trabalhar, quando ele decidiu entrar no imóvel. Ele acabou surpreendendo a vítima, que estava dormindo e veio a assassiná-la brutalmente. Momentos após, ele subtraiu alguns objetos da vítima de dentro da residência”, disse.

As investigações apontaram ainda imagens de câmeras de segurança que mostram o homem retornando a cena do crime horas após a morte da vítima.

De acordo com o delegado Timossi, o suspeito roubou o celular da vítima e tentou revendê-lo para um terceiro, que desconfiou da situação.

Quando soube do crime, este terceiro foi ao local do assassinato e entregou o celular aos policiais.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 Paraná

Link original da notícia: https://g1.globo.com/pr/campos-gerais-sul/noticia/2023/09/11/homem-vira-reu-por-matar-jovem-e-incendiar-a-casa-dela-em-ponta-grossa.ghtml

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *