A vez da Cabernet Franc!

A vez da Cabernet Franc!

A vez da Cabernet Franc!

Aos pés da Cordilheira dos Andes, no terroir de Mendoza, onde se concentra 70% da produção argentina, a Cabernet Franc encontrou tereno fértil para vinhos elegantes, com notas de frutas frescas, e tipicidade. E está despontando ao lado da icônica Malbec.

Entre os produtores destes rótulos (veja sugestões abaixo), facilmente encontrados no Brasil, estão renomadas vinícolas com a centenária Norton e a Santa Julia, com vinhedos em Luján de Cuyo e Vale de Uco – os principais terroirs de Mendoza.

Se no frio clima francês, a Cabernet Franc origina bebidas com aromas de pimentão-vermelho, o clima argentino seco e quente contribui para aromas de morango, framboesa e ameixa.

A baga da Cabernet Franc é pequena e azulada, muito parecida com a da Cabernet Sauvignon, estrela em Bordeaux e cultivada no mundo inteiro. Mas a Cabernet Franc tende a produzir vinhos mais macios e aromáticos que a Cabernet Sauvignon que, por sua vez, se caracteriza por acidez e taninos mais elevados e uma afinidade para envelhecimento em madeira e grande potencial de guarda.

Quer experimentar vinhos argentinos 100% Cabernet Franc? Confira essas recomendações:

Além do rótulo descontraído, o que chama atenção deste vinho elaborado com uvas Cabernet Franc cultivadas no vinhedo Agrelo, em Luján de Cuyo, Mendoza, são os aromas de frutas vermelhas frescas, com notas herbáceas típicas desta uva. Em boca, tem sabores frutados com notas de pimenta e ervas, é equilibrado, com taninos macios e boa acidez. Harmoniza com pratos à base de carnes vermelhas, risotos e queijos duros.

A linha Altura é produzida nos vinhedos de altitude do Vale de Uco da renomada vinícola Norton. Este tinto é complexo e aveludado, com aromas de frutas vermelhas, notas de menta e pimenta, além dos toques terrosos e minerais. Em boca, apresenta ótima estrutura e taninos macios. Excelente para carnes vermelhas assadas e massas com molhos encorpados.

Apresenta aromas de especiarias vermelhas, como páprica e pimentão-vermelho. Em boca, é frutado, com notas herbáceas, grande estrutura e taninos firmes. Amadurece 12 meses em barricas de carvalho e seis meses na garrafa. Excelente com empanadas de carne, estrogonofe, massas com molhos de carne e carnes grelhadas.

As uvas Cabernet Franc originam-se no Vale do Uco, um dos principais terroirs de Mendoza, Argentina. Apresenta aromas de frutas que lembram groselha, mirtilo e amora em harmonia com os aromas de ervas frescas. Perfeito com carnes vermelhas suculentas e massas com molhos encorpados.

Link original da notícia: https://g1.globo.com/pr/parana/especial-publicitario/porto-a-porto/guia-do-vinho-e-da-gastronomia/noticia/2023/09/05/a-vez-da-cabernet-franc.ghtml

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *