Lula condecora padre Julio Lancellotti com medalha da Ordem do Ministério da Justiça

Lula condecora padre Julio Lancellotti com medalha da Ordem do Ministério da Justiça

Lula condecora padre Julio Lancellotti com medalha da Ordem do Ministério da Justiça

A medalha é concedida a pessoas que tenham prestado serviços notáveis ao Ministério da Justiça ou órgãos vinculados à pasta.

Conhecido pelo trabalho em defesa dos direitos humanos e das pessoas em situação de rua, padre Julio Lancellotti é o atual coordenador da Pastoral do Povo de Rua de São Paulo. Ele tem 74 anos.

Além de ser pároco da Igreja São Miguel Arcanjo, na zona leste de São Paulo, Lancellotti também é pedagogo. Ao longo da carreira na Igreja Católica e na defesa dos direitos humanos, ele recebeu uma série de prêmios e reconhecimentos.

O padre ficou nacionalmente conhecido pelo trabalho de assistência de pessoas em situações de rua. Frequentemente, ele utiliza as redes sociais para denunciar casos de violência policial e de construções com arquitetura hostil, que restringem o uso do espaço público.

No sábado (26), Lancellotti recebeu um bilhete com ameaças, que foi deixado na porta da Paróquia São Miguel Arcanjo. A mensagem continha frases como “seu dia de reinado aqui vai acabar” e “defensor dos direitos dos bandidos”.

Ordem do Mérito

A condecoração da Ordem do Mérito do Ministério da Justiça foi criada em 2018.

Entre as personalidades que já receberam a homenagem estão: o ex-presidente Michel Temer; o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes; e a ex-procuradora-geral da República Raquel Dodge.

Em 2022, o ex-presidente Jair Bolsonaro fez mudanças na condecoração, com a unificação dos ministérios da Justiça e da Segurança Pública.

VÍDEOS: mais assistidos do g1

Link original da notícia: https://g1.globo.com/politica/noticia/2023/08/29/lula-condecora-padre-julio-lancellotti-com-medalha-da-ordem-do-ministerio-da-justica.ghtml

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *