Sócios das 123Milhas faltam depoimento em CPI e podem ser alvo de condução coercitiva

Sócios das 123Milhas faltam depoimento em CPI e podem ser alvo de condução coercitiva

Sócios das 123Milhas faltam depoimento em CPI e podem ser alvo de condução coercitiva

Os sócios administradores da empresa 123Milhas, Ramiro Júlio Soares Madureira e Augusto Júlio Soares Madureira, não compareceram à CPI das Pirâmides Financeiras, para depoimento agendado para estra terça-feira (29). Os dois foram convocados pelos membros da CPI para prestarem esclarecimentos sobre a suspensão da emissão de passagens já compradas pelos consumidores.

Segundo o presidente da CPI, deputado Áureo Ribeiro (Solidariedade-RJ), os empresários alegaram que tinham outros compromissos em órgãos judiciais e pediram para remarcar o depoimento. A sessão para oitiva dos dois foi remarcada para a tarde desta quarta (30).

“Se não comparecerem, vamos pedir a condução coercitiva “, afirmou o relator da CPI, deputado Ricardo Silva (PSD-SP).

O presidente da CPI também comunicou que o ex-jogador Ronaldinho Gaúcho, que faltou a dois depoimentos na semana passada, teria se comprometido a comparecer à comissão na próxima quinta (31). Segundo Áureo Ribeiro, se novamente ele faltar ao depoimento, a CPI acionará a Polícia Federal para proceder a uma condução coercitiva do ex-jogador.

Link original da notícia: https://www.bahianoticias.com.br/noticia/283821-socios-das-123milhas-faltam-depoimento-em-cpi-e-podem-ser-alvo-de-conducao-coercitiva

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *