Alunos denunciam que sofreram calote de autoescola em Maceió

Alunos denunciam que sofreram calote de autoescola em Maceió

Alunos denunciam que sofreram calote de autoescola em Maceió

Dezenas de alunos matriculados em uma autoescola no bairro do Jacintinho, em Maceió, dizem que foram vítima de um golpe, porque o Centro de Formação de Condutores (CFC) fechou e não devolveu o dinheiro pago pelas aulas. Prejudicados, o grupo procurou a delegacia nesta quarta-feira (20) para prestar queixa, que vai ser investigada pela Polícia Civil.

Para que os CFCs possam prestar esse tipo de serviço, precisam estar credenciados junto ao Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran) e em situação regular. Contudo, segundo o Detran, a Autoescola Ponta Verde está suspensa desde dia 1º de maio. Dessa forma, ela não poderia efetuar matrículas de novos alunos.

No entanto, alunos relatam que fecharam contrato com a autoescola nas últimas semanas. O g1 tentou contato com a autoescola, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.

Os alunos relatam que mantêm um grupo no WhatsApp com o proprietário da autoescola, e que ele mandou áudios nesse grupo explicando que devolveria o dinheiro e pedindo paciência para tentar prorrogar na Justiça o prazo para conclusão das aulas teóricas e práticas de quem já se inscreveu.

Ele teria dito também que resolveu fechar a escola por ter acumulado várias dívidas e não conseguir regularizar a situação junto ao Detran, tendo justificado, também, que sofreu várias ameaças de alunos.

A estimativa é de que mais de 100 pessoas tenham sido lesadas após o fechamento da empresa. Algumas delas reclamam que investiram quase R$ 2 mil e sequer tiveram as aulas.

Raquel foi uma das pessoas que ficaram no prejuízo. Ela conta que se matriculou na autoescola em setembro, mas assistiu a apenas quatro aulas. “É um dinheiro suado. A gente se prepara e vem uma pessoa e acaba com o nosso sonho”.

A esposa de uma das vítimas contou que o marido fez a inscrição em maio para tirar a primeira habilitação e chegou a fazer as aulas teóricas, mas que as aulas práticas nunca aconteceram. O prejuízo foi de R$ 1.100.

“Ficaram adiando as aulas práticas. Tentamos estorno, mas nada. É um prejuízo para quem é assalariado, paga aluguel e tem filho pequeno”, lamentou Camila Belo.

Outro aluno diz que está com o processo aberto desde outubro de 2022 e ainda não conseguiu concluir. “Sempre tinha que ir lá marcar, porém, de um tempo para cá, toda vez que passo, a escola está fechada e não consegui concluir o meu processo. Um prejuízo de R$ 1.400”, disse Wilton da Silva.

A delegada Lucy Mônica investiga o caso. “Nós estamos tentando manter contato com o suspeito, o qual até fez um grupo de WhatsApp tentando amenizar a situação. O inquérito já foi instaurado”, disse.

Como checar se autoescola é credenciada

No site do Detran é possível ver as autoescolas credenciadas — Foto: Reprodução

Para evitar que os alunos caiam em golpes, o Detran disponibiliza uma lista com todas as autoescolas credenciadas e ativas em Maceió e no interior. Para ter acesso à lista, basta clicar neste link.

Na página, os futuros habilitados também podem consultar os números de instrutores e veículos disponíveis em cada centro de formação e o ranking com o percentual de aprovação e reprovação nos exames.

Assista aos vídeos mais recentes do g1 AL

Link original da notícia: https://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2023/09/20/alunos-denunciam-que-sofreram-calote-de-autoescola-em-maceio.ghtml

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *