Mulher é morta a tiros em quitinete; marido é preso suspeito de participar

Mulher é morta a tiros em quitinete; marido é preso suspeito de participar

Mulher é morta a tiros em quitinete; marido é preso suspeito de participar

Poliane Jara Gomes, 35 anos, foi assassinada com vários tiros em uma quitinete, no fim da noite de terça-feira (29), no bairro Lixeira, em Cuiabá. O marido dela, identificado apenas como E.F.A., 37 anos, foi preso em flagrante suspeito de ter facilitado a entrada de dois criminosos na casa da vítima. Os assassinos fugiram.

O companheiro de Poliane foi visto chegando com dois homens no condomínio da vítima. Investigadores da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) informaram que E.F.A. foi até a residência da mulher e a chamou. 

Após ela abrir o portão, os assassinos sacaram um revólver e atiraram diversas vezes na vítima. Poliane não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. A morte dela foi confirmada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). 

Reprodução

Após o crime, o trio fugiu. O marido dela, no entanto, voltou ao local do crime, e foi detido por populares. A Polícia Militar deteve o suspeito e o encaminhou à sede da DHPP para prestar depoimento ao delegado Marcos Lyra.

O corpo de Poliane foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para serem realizados os procedimentos.

Um inquérito policial (IP) vai ser aberto para investigar o assassinato. 

Link original da notícia: https://www.rdnews.com.br/policia/mulher-e-morta-a-tiros-em-quitinete-marido-e-preso-suspeito-de-participar/180858

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *